O que é SEO?

Familiarize-se com o conceito e as principais estratégias do SEO para alavancar o seu conteúdo nas pesquisas.

No último mês, falamos sobre hierarquia visual em design de textos, apresentando estratégias para que você possa guiar os olhos do seu leitor e consumidor nas mais diversas peças de marketing, inclusive em sites e blogs. Hoje vamos complementar essas estratégias trazendo para você as principais informações sobre o SEO, algoritmo desenvolvido e utilizado pelo Google para definir os sites com melhor posicionamento nas buscas dos usuários.

A sigla SEO significa Search Engine Optimization, ou seja, Otimização de Mecanismos de Busca, em português. Na prática, esse termo define um conjunto de técnicas utilizadas para alcançar os melhores posicionamentos de páginas em uma busca no Google.

Você já reparou que, quando quer encontrar alguma informação, prefere digitar termos gerais na barra de pesquisa do Google e, então, clicar nos primeiros sites que aparecem no resultado da busca? Pois esses sites não estão nessas posições à toa: seus conteúdos foram escritos e organizados da forma que melhor atende aos requisitos do algoritmo usado pelo Google. São essas técnicas que, juntas, farão com que seu conteúdo apareça em destaque para os usuários, o que, consequentemente, fará com que ele seja visto por cada vez mais pessoas.

A página que melhor atende os critérios de tecnologia, conteúdo e autoridade será mais bem posicionada em relação às demais que tratam do mesmo assunto. Mas não se engane: adotar apenas estas estratégias não será suficiente, é preciso que você também entregue a resposta que o usuário está de fato procurando.

O Google, assim como qualquer outro mecanismo de busca (por exemplo, o Bing, o Yahoo, e até mesmo o Pinterest e o YouTube), tem seu próprio algoritmo, suas próprias regras para organizar seus resultados. Nesse post, adotaremos o algoritmo do Google para SEO, especificamente, já que o site é o principal buscador usado no Brasil. De forma geral, ele opera em três etapas: Rastreamento, Indexação e Rankeamento, além dos critérios adicionais para identificar e combater o spam (sites com baixa qualidade e/ou práticas ilícitas).

  •       A primeira etapa, Rastreamento (ou Crawling), consiste em rastrear as informações disponíveis em toda a internet através de spiders, que vão seguindo links de acesso e encontrando páginas novas. O mais conhecido deles é o Google Bot.
  •       Depois, entra a etapa de Indexação (ou Indexing). Aqui, é como se o algoritmo organizasse tudo em gavetas específicas, para que as informações possam ser mais facilmente acessadas na próxima etapa.
  •       Por fim, na fase de Rankeamento (ou Ranking), o Google ordena e exibe os resultados da busca feita pelos usuários, a partir da indexação dos conteúdos feita anteriormente. Quando os algoritmos usados nas três etapas funcionam perfeitamente, conseguimos fazer uma pesquisa e receber um resultado quase instantaneamente: o Google costuma retornar os resultados de uma busca em aproximadamente 0,125 segundos!

Conhecer essas etapas nos ajuda a entender como o algoritmo funciona, mas o fato é que o Google usa mais de 200 fatores para realizar esse ranqueamento, que são atualizados a cada ano, desde sua criação. Assim, a não ser que você queira se tornar um profissional especializado nesse algoritmo, pode ser bem difícil se familiarizar e se manter atualizado sobre ele. Porém, existem alguns fatores mais importantes e expressivos que podem te auxiliar bastante na construção do seu conteúdo. Conheça alguns deles:

  •       Design responsivo: atualmente, a maioria das pessoas usa mais o celular do que o computador, já que a facilidade e a velocidade para obter respostas é muito maior; assim, é fundamental que o seu site ou blog consiga se adaptar perfeitamente à tela dos aparelhos móveis, como celulares e tablets, sem afetar a usabilidade.
  •       Relevância dos links: o algoritmo considera que o seu conteúdo tem autoridade e é de boa qualidade quando a sua página é citada em outras que abordam o mesmo assunto, ao contrário de quando é citada em páginas que tratam de assuntos diversos.
  •       Conteúdo com qualidade: é importante elaborar um conteúdo que seja original, autoral e de qualidade, que oferece as respostas buscadas pelo usuário; além disso, o algoritmo do Google entende que conteúdos mais longos são mais aprofundados, então tire proveito dos seus conhecimentos, acrescente listas, vídeos e imagens para prolongar o tempo que o usuário permanece na sua página.
  •       Tempo de carregamento da página: qualquer usuário, hoje em dia, sabe que, mesmo inconscientemente, dá preferência a páginas que carregam rapidamente, muitas vezes até saindo de uma quando ela demora demais a carregar; por isso, é importante dedicar atenção especial à elaboração do código da sua página, para que ele seja eficiente e carregue todas as informações e configurações o mais rápido possível.
  •       Palavras-chave: o Google valoriza a presença de palavras-chave no site e nas primeiras 100 palavras do texto, pois as interpreta como sinal de um conteúdo relevante.

As palavras-chave são aquelas que o usuário digita no buscador para encontrar uma resposta, ou seja, é o que se digita na barra de pesquisa do Google. Quando o usuário busca qualquer coisa, o Google pesquisa em seu índice (a segunda etapa da operação, que apresentamos anteriormente) as melhores páginas sobre o assunto e as exibe nos resultados. Assim, no seu texto, tente repetir algumas vezes o termo principal do seu conteúdo, mas também use sinônimos e outras variações daquele termo, para que a leitura do texto não fique cansativa. O algoritmo também já é capaz de compreender alguns erros de digitação, então o usuário tem grandes chances de encontrar seu conteúdo mesmo que o procure com erros.

Duas boas ferramentas para a pesquisa de palavras-chave são os sites Keyword Tool e Ubersuggest. Eles podem facilitar a elaboração de uma lista com os termos que mais se relacionam ao assunto que você quer abordar e, a partir daí, você pode escrever seu conteúdo usando esses termos a seu favor.

Aqui na Garden, uma das estratégias adotadas para o crescimento de nossos clientes é a alimentação de blogs direcionados ao público-alvo de cada um, sempre tendo em mente as diretrizes propostas pelo SEO. Venha conhecer o que podemos lhe oferecer!

 

 

Artigos Relacionados

Você sabe o que é segmentação demográfica?

Conheça a estratégia de marketing que ajuda marcas a encontrarem o seu público Ao contrário do que muita gente pensa, […]

Leia mais
A relevância das mensagens privadas (DMs) para o algoritmo do Instagram

Entenda o que essa ferramenta pode fazer pela credibilidade da sua empresa Você já reparou que, quando abre o aplicativo […]

Leia mais
A hierarquia visual em design de textos: como guiar os olhos do leitor

Descubra os princípios da hierarquia visual e confira estratégias simples para alavancar sua presença digital Você já percebeu que, quando […]

Leia mais
contato@gardenconsultoria.com.br
(31) 2576.2078
text-align-right