13 de setembro de 2018

Será que a sua empresa tem mais consumidores ou clientes?

0 Flares 0 Flares ×

Texto por Marina Dell’areti - Publicitária, pós-graduada em Marketing Estratégico e Branding

A dois dias do Dia do Cliente, nada mais justo do que esclarecer a diferença entre consumidor e cliente. Vamos lá?

Ainda que estes dois termos sejam usados muitas vezes com o mesmo significado, no ambiente empresarial eles tem significados bem diferentes.

O fato é que, na hora de escolher onde comprar um produto ou um serviço, os dois se comportam de maneiras distintas, mas ambos são importantes para a sua loja, pois geram vendas.

Um simples consumidor está em busca apenas de preço baixo, agilidade na compra e ofertas. Ou seja, o consumidor não possui vínculos com a sua empresa, não seguirá suas redes sociais, não assinará seu e-mail marketing e sua decisão de compra baseia-se unicamente no menor preço encontrado em uma breve avaliação superficial da empresa.

Já o cliente, este sim é leal à sua loja, empresa ou marca. Quando ele necessitar adquirir um produto ou serviço, logo vem o seu negócio à memória devido às ótimas experiências anteriormente vividas. O cliente confia em você, gosta de estar por dentro das novidades e, por isso, assina sua newsletter, segue sua empresa nas redes sociais e, caso o preço seja superior, provavelmente isto não será um problema, pois, além de confiar, sabe que o bom atendimento está garantido.

Resumindo, o consumidor só comprou com você porque sua oferta foi conveniente naquele momento. Já o cliente pensa em você logo de início, baseando-se em experiências anteriores, seja da própria pessoa ou pela indicação de amigos e familiares.

Agora ficou claro que no mundo dos negócios sua empresa deve prezar por atrair clientes, não é mesmo? Afinal, você deseja que sua marca seja lembrada, indicada e reconhecida independente do seu valor ($), e não simplesmente tenha visitantes que consomem esporadicamente porque seu preço está menor.

Geralmente, os consumidores que chegam até você sem compromisso vieram através de pesquisas de preço pelo mecanismo de busca do Google, assim, cabe a você cativá-los para que se tornem clientes. O negócio é que todo cliente já foi consumidor, ou seja, todo consumidor tem o potencial para tornar-se um cliente, não importa de que ramo que seja a sua empresa.

E o seu negócio, tem mais consumidores ou clientes? Chegou a hora de cativar. Por meio de um bom planejamento, estratégias de marketing, bom serviço e atendimento, boas informações, geração de conteúdo de qualidade, você consegue despertar o interesse e conquistar seus consumidores transformando-os em grandes clientes. A ideia é: cative seus consumidores e terá grandes clientes.

Ah, e não se esqueça: dia 15 de setembro é o Dia do Cliente, uma excelente oportunidade para lembrar-se daquele que lhe inspira todos os dias!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×